BH à Porter movimenta showrooms da capital

Ação conjunta dos consultores de moda de Belo Horizonte atraiu dezenas de lojistas de todo o país e teve ótima repercussão na cidade

bhaporter_low

Ao invés de reclamar da crise, agir para que ela não atinja os negócios. Esse parece ser o lema geral dos comerciantes de todo o país que visitam a cidade durante o BH à Porter. O maior evento open de moda do Brasil reuniu 120 lojistas na capital mineira apenas durante as primeiras duas semanas. O objetivo inicial, que era ultrapassar a última edição, onde 161 varejistas participaram, deve ser alcançado no começo desta semana, uma vez que pelo menos mais 140 varejistas já estão com passagens compradas até o encerramento, no dia 11 de setembro.

As presenças são de diversos pontos do país, como Cláudia Souto, 43, que visitava mensalmente a capital em busca de novidades para a sua loja, em Porto Seguro (Bahia). “Eu achei muito interessante a proposta do projeto, uma vez que esse momento de crise é muito delicado. As pessoas tendem a ficar mais preocupadas e comedidas com as compras. A inciativa faz a gente mexer um pouco e sair da inércia. Quem participou encontrou muita novidade, grande variedade de peças, bom atendimento… tudo o que um lojista gosta”, explica. Souto havia alterado sua rotina de visitas devido ao período de crise e não viria à capital até outubro. “Eu estava em uma rotina de viajar a cada três meses. O normal seria ir todo mês, mas acabei reduzindo um pouco por causa da recessão. O evento me ajudou possibilitando a minha viagem e eu pude encontrar a coleção fresquinha nos showrooms”, conta.

Realizado pela Cooperativa dos Consultores em Negócios de Moda de Minas Gerais (Coopermoda), o BH à Porter reúne, em 2015, 66 marcas mineiras. Na última edição, realizada em setembro do ano passado, foi gerado um montante de mais de R$ 3 milhões. A expectativa para este ano é movimentar cerca de R$ 5 milhões. “Percebemos que os lojistas estão pensando de forma bem inovadora, pois em época de crise temos que criar, inovar, fazer acontecer. E eles irão conseguir esse resultado por levar para seus clientes produtos diferenciados, pois sabemos que a moda mineira tem um grande destaque”, avalia a consultora e diretora financeira da Coopermoda, Juh Amaral.

O projeto, que está financiando a vinda de varejistas de todo o país, conta com apoio das maiores marcas do setor e do Sindicato das Indústrias do Vestuário no Estado de Minas Gerais (Sindvest MG). O evento acontece nos showrooms na região do bairro Prado, em Belo Horizonte. A expectativa, que era trazer novos clientes para conhecerem as coleções mineiras, foram atendidas,  segundo avalia Jona Darc, gerente de vendas no showroom Cleo. “Tivemos novas prospecções de clientes nesses dias de evento. Ele está ajudando a divulgarmos nossa marca para um público que não a conhecia em detalhes e isso enriquece nossa cartela”, pontua. Até o momento, já passaram pela cidade clientes de Santa Catarina, Goiás, Mato Grosso, Pernambuco, Paraíba, Bahia, São Paulo, Rio de Janeiro, Paraguai, Distrito Federal, Acre, Espírito Santo, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Paraná e Paraguai.

Related Images:

TAGS: \ \ \ \ \ \ \ \