Vivaz Inverno 2016 – O Conto

Croqui Vivaz

Três gerações de mulheres Vivaz, muitas lembranças e histórias marcantes vividas com os cavalos, no Haras da família. Com estes animais, sinônimo de elegância, companheirismo e fidelidade, criaram uma relação que vai além de épocas, estilos e se confunde com o imaginário dos contos de fadas. Neste universo, ninfas, guerreiras e princesas se misturam, mostrando que a delicadeza, a força e o romantismo podem existir ao mesmo tempo em cada um de nós.

1º ato – As Fadas

Fluidez e leveza em tons chá, como o bege e o rosa buquê, inspirados nas lingeries vintage do início do século, são traduzidos em shapes amplos e lânguidos em georgette de seda, com detalhes delicados como mini nervuras, aplicações de rendas, babados e golas.

2º ato – As Ninfas Românticas

Uma estampa leve e delicada, inspirada nas flores do campo e aplicada sobre a transparência da organza, traduz uma mulher livre, que anda a cavalo pelas florestas. Shapes femininos, ganham modernidade com a intervenção das sobre posições, tornando-os bem atuais.

3º ato – Príncipes X Princesas

Seguindo a tendência “gender bender” a alfaiataria vem forte e se mistura aos vestidos de noite, criando looks cheios de frescor. A cartela passeia pelos tons de azul noite e lavanda e os bordados monocromáticos, em pedrarias, conferem feminilidade as peças.

4º ato – Amazonas/ Guerreiras

Toda princesa tem alma de heroína, são mulheres fortes, que lutam por seus objetivos. Essa força é traduzida em uma cartela escura, com o marron e o azul noite. Destacam-se aqui os patches de correntes e pedrarias, em nuances de prata e ônix, que fazem alusão aos coletes e armaduras.

5º ato – Princesas

Revisitando o universo das princesas, mulheres românticas que sonham com a chegada de seus príncipes, a passarela se enche de vestidos amplos e volumosos. Inspirados nas bailarinas, os corsets, que se abrem em saias godês e evases, são destaque. Aqui, a cartela passeia pelos tons de azul hortência, champagne e dourado, pontuada pelo brilho suave dos bordados.

TAGS: \ \ \ \ \ \ \ \