MUSCULAÇÃO CONTRIBUI PARA O DESEMPENHO DOS CORREDORES

A freqüência dos corredores nas academias tem aumentado nos últimos anos. Isto porque estes atletas ultrapassaram a ideia de que o fortalecimento muscular poderia gerar uma hipertrofia e prejudicar o desempenho nas corridas. O Personal Trainer e Instrutor de Running Class da Bodytech Belvedere, Bruno Hoffmann, destaca os benefícios da musculação para corredores. “Através da musculação o corredor terá o fortalecimento dos músculos que se tornam mais econômicos ao desempenhar as mesmas funções com desgastes menores, levando o atleta à melhora da sua performance” destaca.

Baseado em pesquisa de importantes organizações, como a National Strength Condition Association (NSCA) e American College Sport Medicine (ACSM), os principais benefícios do treinamento de força são:

1) Aumento da força muscular, potência e resistência muscular;

2 ) Diminuição dos riscos da ocorrência de lesões durante a prática de atividades esportivas;

3) Aumento da capacidade no desempenho esportivo.

Isso ocorre porque com o fortalecimento dos grupos musculares a corrida se torna menos desgastante fisiologicamente, e o atleta  passa a ter mais equilíbrio muscular e resistência. A melhora dos níveis de força faz com que o seu desgaste físico seja menor.  Deste modo, o corredor fica menos suscetível às lesões. Com um acompanhamento adequado, os treinos específicos podem se tornar cada vez mais intensos, fazendo com que a velocidade media melhore ao final de uma prova, diminuindo o seu tempo final no percurso.  Outra medida a ser tomada para otimizar o desempenho é a diferenciação dos treinos para corredores de curtas e longas distâncias. “Se uma pessoa corre 10 km a 10km/h em media ela levará 60min para concluí-la, se ele conseguir aumentar sua velocidade media para 10,5 km/h ele concluirá esta prova em 57min e 30seg, sendo uma grande melhora de desempenho” exemplifica Bruno Hoffman.

“Se um corredor correr 10 km a 10km/h em media ele levará 60min para concluí-la, se ele conseguir melhorar sua velocidade media para 10,5 km/h ele concluirá esta prova em 57min e 30seg, sendo uma grande melhora de desempenho” exemplifica Bruno Hoffman.